Fazendo um som

11/jun/2009 Comentar


Papai Vitor. Acrílica sobre papel. 2007
Voltávamos de uma viagem em família. De Sampa para Fortal. Nosso destino mais corriqueiro, em grupo. Aeroporto, espera, espera. Vitor e Iago pegam o violão pra matar o tempo. Ficou este momento na memória. Chegando em casa, ele virou um estudo de várias posições de tocar. A favorita, porém, é a que sua filha, Sofia, nomeou aos brados de Papai Vitor.

Comentar

Escreva algo